Códigos para conveção de entrada

0 Entrada sucessiva

O código 0 indica que o registo segue a convenção de entrada sucessiva em que um novo registo é criado de cada vez que:

  • um título muda;
  • uma colectividade usada como entrada principal ou qualificador do título uniforme, muda (o título anterior ou posterior ou autor/título é registado num campo de ligação (Campo 780/785) em cada registo.)

Exemplos:

008/34 0

245.00|aHawaii medical journal.

780.00|tHawaii medical journal and inter-island nurses bulletin|x0097-1030

008/34 0

110.2#|aChartered Institute of Transport.

245.10|aJournal.

780.00|tInstitute of Transport (London. England)|tJournal

[Registo pré-AACR]

1 Última entrada

O código 1 indica que o registo segue a convenção de última entrada em que um registo de série é catalogado sob o seu último (mais recente) título ou entidade emissora.
Todos os títulos anteriores e/ou entidades emissoras são dados em notas Campos (247 (Título anterior), 5471 e 550 (Nota sobre colectividades ligadas à publicação/edição)).
A prática de catalogação pela última entrada para séries foi abandonada com a introdução das regras de catalogação AACR.

Exemplos:

008/34 1

247.10|aBritish Columbia financial times|f1914-June 1951

008/34 1

111.2#|aSymposium on Underwater Physiology.

245.10|aUnderwater phisiology :|bproceedings

550.##|aO vol. para 1955 publicado pelo simpósio sob o seu nome anterior: Underwater Physiology Symposium.

2 Entrada integrada

O código 2 indica que um registo é catalogado sob o seu último (mais recente) título e/ou pessoa ou colectividade responsável.
Só se cria um novo registo quando há uma alteração significativa na edição ou é determinado que há uma nova obra, e para fusões e cisões de títulos.
É usado para recursos integrantes e publicações em série electrónicas que não retêm os seus títulos anteriores.

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License