711 Entrada secundária: Grupo eventual

Campo não repetível (R)

O campo contém o nome de um grupo eventual, utilizado como entrada secundária.

Indicadores:

1º indicador: palavra de entrada 2º indicador: sem valor atribuído
0 Nome na ordem inversa (não previsto nas RPC) # Informação não fornecida
1 Jurisdição (não previsto nas RPC) 2 Entrada analítica
2 Nome na ordem directa

1º indicador:

2º indicador: Tipo de entrada secundária

  • # Informação não fornecida
    O valor # indica que o ponto de acesso não corresponde a autor(es) de obras individuais contidas no documento que se cataloga. Destina-se a co-autores e/ou colaboradores do autor dito principal.
  • 2 Entrada analítica
    O valor 2 indica que o documento que se cataloga integra autores de parte ou partes da obra e que estão representado nos cabeçalhos/pontos de acesso (entradas secundárias ditas 'analíticas').

Nas bibliotecas universitárias de Coimbra, e de acordo com as RPC, este valor é utilizado

  • em documentos com várias obras de autores diferentes e sem título colectivo, para cujo registo se elaboram entradas secundárias (pontos de acesso) destinadas aos autores das obras individuais neles incluídas;
  • em obras em vários volumes, com título comum e, em cada um dos volumes, autores/títulos específicos para cujo registo se elaboram, também, entradas secundárias (pontos de acesso) destinadas aos autores específicos de cada volume.

Subcampos:

  • |a Nome do grupo eventual (NR)
  • |c Localização do grupo eventual (NR)
    Precedido de vírgula.
  • |d Data do grupo eventual (NR)
    Precedido de vírgula.
  • |n Número do grupo eventual (R)
    Precedido de vírgula.
  • |4 Código de função (R)
    Precedido de vírgula, segundo as RPC. (Ver Anexo e MARC Code List: Relator Codes)

Pontuação:

Utiliza-se a pontuação prescrita nas regras de catalogação (RPC, AACR2).

O campo termina com um sinal de pontuação ou parêntesis ( ).

Se o último subcampo for |4, o sinal de pontuação ou os parêntesis precedê-lo-ão.

Espaços:

Não se colocam espaços entre as letras que compõem as siglas ou entre iniciais/letras que façam parte de um nome de grupo eventual.

Uma abreviatura composta por mais do que uma letra é separada das palavras ou letras que a seguem e/ou precedem por um espaço.

As datas em aberto são seguidas de um espaço, se existirem outros elementos depois delas.

Artigos iniciais

Os artigos iniciais são omitidos, excepto se se pretender incluí-los na ordenação alfabética.

Exemplos:

111.2#|aInternational Conference of the International Society for Neoplatonic Studies,|n6,|cOklahoma,|d1984.

245.10|aNeoplatonism and Gnosticism :|bpapers presented at the 6th International Conference of the International Society for Neoplatonic Studies, entitled International Conference on Neoplatonism and Gnosticism held at University of Oklahoma, 1984 /|cOklahoma,|dRichard T. Wallis, ed.

711.2#|aInternational Conference on Neoplatonism and Gnosticism,|cOklahoma,|d1984.

110.1#|aFAO.|cComité des Pêches.|g15e session, Rome, 1983.

245.10|aRapport de la quinzième session du Comité des Pêches, Rome, 10-19 octobre 1983 :|bphase téchnique de la Conférence Mondiale de la FAO sur l'Aménagement et le Développement des Pêches.

711.22|aConférence Mondiale de la FAO sur l'Aménagement et le Développement des Pêches.|4aut

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License