Registo modificado

Um código alfabético de um carácter indica se quaisquer dados num registo bibliográfico são uma modificação de informação que aparecia no item que está a ser catalogado ou que se destinava a ser incluída no registo legível por máquina.

Tais modificações incluem: a romanização de dados que originalmente apareciam numa escrita não romana; substituição por caracteres disponíveis daqueles que não podiam ser convertidos para forma legível por máquina (e.g., símbolos especiais, “☼”); abreviação de registos porque a quantidade de dados excedia um comprimento máximo permissível imposto pelo sistema.

Um registo não é considerado modificado quando se romanizam campos no registo que não são transcrições de dados do item (e.g., cabeçalhos, campos completos sem aspas, endereço de assinatura, etc.).

Equivalentes MARC para certas letras usadas em línguas menos conhecidas que usam o alfabeto romano também não são considerados modificações.

Usa-se um carácter de preenchimento (|) quando não se tentou codificar esta posição de 008.

Precedência dos códigos

Quando há mais que um código aplicável a um item bibliográfico, use a tabela seguinte para determinar o código apropriado para uso. Os códigos estão listados por ordem de precedência, com os códigos listados primeiro tomando precedência sobre os códigos listados subsequentemente. O código # é a prioridade mais alta:

# Não modificado
s Abreviado
x Caracteres omissos
r Completamente romanizado/fichas impressas em escrita não romana
o Completamente romanizado/fichas impressas apenas em escrita romana

Códigos para registos modificados

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License